Violino Brasil
Quem está conectado
29 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 29 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 106 em 1/9/2012, 17:16

Qual é a ordem de métodos que se estuda no violino?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Qual é a ordem de métodos que se estuda no violino?

Mensagem  Geiger em 2/12/2013, 18:02

Gostaria de saber quais são os métodos (todos) os essenciais para o estudo do violino, e qual a ordem em que se estudam. Desde o mais iniciante até o mais avançado, desde já obrigada.
avatar
Geiger

Mensagens : 13
Pontos : 29
Reputação : 1
Data de inscrição : 12/11/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

métodos de violino..

Mensagem  abnerram em 4/12/2013, 10:01

FERVIOLINO escreveu:Gostaria de saber quais são os métodos (todos) os essenciais para o estudo do violino, e qual a ordem em que se estudam. Desde o mais iniciante até o mais avançado, desde já obrigada.
Primeiro você usa o Método Laoureux, mas só os exercícios de corda solta, já para começar o dedilhado pegue o CCB ( Schmoll ), e vá até a lição 78 , para você tem um repertório legalzinho (lições 70 à 78).
 Pra ter conhecimento de mais musicas use o Suzuki    Books 1 & 2, depois volte no Método Laoureux nas lições de cordas duplas, para treinar seu arco pegue Sevcik    School of Bowing Technique, Op. 2 , Sevcik    School of Violin Technique, Op. 1depois use o Método Ferrara que é muito progressivo mas comece a partir da lição 22, pois é nessa lição que se começa a estudar a 2ª posição no violino a partir dessa lição você vai até o final do método estudando a 2ª, 3ª, 4º, 5ª,6ª,7ª posições. 


 Depois  se quiser toque as musicas do livros Suzuki    Books 3 & 4 , Suzuki    Books 5 & 6 !
 
Mais o importante nao sao só os métodos, é sim o professor que ensina !!
avatar
abnerram

Mensagens : 24
Pontos : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 18/10/2013
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Qual é a ordem de métodos que se estuda no violino?

Mensagem  £ëø Mø®£ix em 4/12/2013, 10:15

FERVIOLINO escreveu:Gostaria de saber quais são os métodos (todos) os essenciais para o estudo do violino, e qual a ordem em que se estudam. Desde o mais iniciante até o mais avançado, desde já obrigada.
Olá, tudo bem Fernanda?!
.
Está sumidinha!
.
O método essencial para qualquer violinista em qualquer parte do planeja é um excelente professor. Pois não adianta usar os mais eficazes e melhores sendo que o professor não sabe aplicar isso ao aluno. Portanto o melhor método que existe é um bom professor!
.
Eu sinceramente não acredito em cronologia de métodos, mas talvez seja aplicavel a cronologia de técnicas dividido em algumas categorias que são: iniciantes do zero, iniciantes avançados, intermediario iniciante, intermediario avançado e avançado iniciante e avançado e virtuose.
.
Mas eu acredito que seja uma forma burra de estudar dessa forma. Eu penso com meus botões que o professor não deve seguir programas ou cronologias, visto que estudante de violino é como DNA, cada um tem sua pecularidade o que torna cada individuo único no mundo, assim como não existe violinista que toca exatamente igual ao outro, mas sim cada um faz uma música única no mundo. O problema dos idiotas é justamente querer fazer clones de si próprios...
.
Então devemos observar é que cada aluno, tem um problema especial e estudar violino é justamente resolver os problemas. Quando se segue um cronologia ou melhor dizendo um programa simetricamente, o sujeito fica estudar muitas vezes algo que nem necessita estudar: fica estudando afinação e muitas vezes ele tem problema com o arco, estuda arco e tem problema com afinação e vai empurrando o problema com a barriga, fingindo que nada é com ele e se fecha não querendo enxergar que não é um bom violinista, fica anos e anos estudando a fio e tem pouca ou nenhuma evolução.
.
O professor que é inteligente ele vai avaliar o aluno e perceber qual é maior dificuldade do aluno e vai focar toda sua orientação a resolver em especificio, aplicando o que for necessário nessa etapa para o desenvolvimento do aluno encima do problema especifico e percebe a hora de dar atenção a outro problema, sendo assim equilibrando a evolução e caminhando de forma equilibrada na hora certa.
.
Então pense não adianta um médico receitar para você ampicilina sendo que o seu problema não deve ser tratado com ampicilina, pois está com depressão! Então o médico deve encaminhar você para um especialista no tipo de problema que você tem e trata-lo adequadamente com droga medicinal para essa finalidade.
.
Assim é professor de violino, não podemos ter apenas um professor, mas o professor que seja adequado ao tratamento de um fundamento e especifico e fica com ele absorvendo todo o conhecimento e resolve o problema em especifico que ele trata por um período, depois devemos procurar outro professor especialista em tal fundamento. Um é bom para arco, outro para mão esquerda, outro para expressividade. Assim por diante. Não vai jamais receitar ampicilina, porque todo mundo toma e da certo com a maioria, mesmo que o seu problema não tem nada haver com o tratamento com ampicilina.
.

Mas pra quem não quer ser profissional, deve ter em mente que o mínimo é conseguir um professor top que possa lhe orientar adequadamente em todos os fundamentos, pelo menos o básico é claro todo professor deveria aprender a orientar pelo menos o básico, mas infelismente muitos não fazem nem o básico, mas com um professor top, pelo menos o básico temos garantidos.
.
O professor top, ele trabalha dessa forma, pensando em fundamentos e tratando o que voce tem maior dificuldade, não tratando de forma genérica, mas sim com o métodos especificos para ocasião, não seguindo o cronograma e nem programa.
.
Por isso, vamos estudando de forma inteligente, consciente e evolutiva.
.
Mas vou sugerir uma proposta para ter uma idéia do que funciona genericamente com maioria: Lauoreux 1, Suzuki de 1 a 3, Shinozaki, Ferrara, Sevick op 1 e Op 2, Hans Sitt op 32 até lição 20, Mazas duetos, Lauoreux 3 para iniciantes.
.
36 estudos do Kayser, Suzuki do 4 até o 6, Continua nos Sevicks, Sevick op 8, Hans Sitt da lição 20 até 100, Polo, Mazas, Dont, 42 estudos do Kreutzer, Mozart concerto 3, 4.
.
Wieniawski, Rode, 24 Caprichos do Paganini, Beethoven para avançados.
.
Na verdade eles não estão na ordem que se estudam, pois muitos são estudados de forma simultanea, e alguns só podem ser iniciantes dependendo da qualidade do estudo do aluno, isso é individual, pois cada um tem um tempo e progressão diferente se em comparação com outros alunos de mesmo nível.
.
Mas ou menos isso que se segue, falando genericamente.
.
Lembrando que não importa o método que se estude a técnica aplicada é coisa de aula do dia a dia que um professor te passa, pois os métodos não trazem a técnica, e sim podem ser aplicados em várias lições técnicas muito diferentes, então não importa o número de métodos que se passe e sim a qualidade de como voce estuda cada lição. Por isso muitos estudam mais de 100 métodos e não tocam nem 1 por cento de um que estudou apenas 10 métodos.
.
Se precisar de material de estudos para violino, eu tenho para material de estudos para vender. Envia e-mail para mim: violinistamorlix@bol.com.br
.
Um beijão.
.
Deus te abençoe.


Última edição por £ëø Mø®£ix em 19/6/2014, 16:37, editado 2 vez(es)


"Não por força nem por  poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor   dos Exércitos" (Zc 4:6). 
avatar
£ëø Mø®£ix
Admin

Mensagens : 3314
Pontos : 3798
Reputação : 171
Data de inscrição : 17/02/2010
Idade : 35

http://violinobrasil.forumfacil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

é verdade!

Mensagem  abnerram em 5/12/2013, 15:04

£ëø Mø®£ix escreveu:
FERVIOLINO escreveu:Gostaria de saber quais são os métodos (todos) os essenciais para o estudo do violino, e qual a ordem em que se estudam. Desde o mais iniciante até o mais avançado, desde já obrigada.
Olá, tudo bem Fernanda?!
.
Está sumidinha!
.
O método essencial para qualquer violinista em qualquer parte do planeja é um excelente professor. Pois não adianta usar os mais eficazes e melhores sendo que o professor não sabe aplicar isso ao aluno. Portanto o melhor método que existe é um bom professor!
.
Eu sinceramente não acredito em cronologia de métodos, mas talvez seja aplicavel a cronologia de técnicas dividido em algumas categorias que são: iniciantes do zero, iniciantes avançados, intermediario iniciante, intermediario avançado e avançado iniciante e avançado e virtuose.
.
Mas eu acredito que seja uma forma burra de estudar dessa forma. Eu penso com meus botões que o professor não deve seguir programas ou cronologias, visto que estudante de violino é como DNA, cada um tem sua pecularidade o que torna cada individuo único no mundo, assim como não existe violinista que toca exatamente igual ao outro, mas sim cada um faz uma música única no mundo. O problema dos idiotas é justamente querer fazer clones de si próprios...
.
Então devemos observar é que cada aluno, tem um problema especial e estudar violino é justamente resolver os problemas. Quando se segue um cronologia ou melhor dizendo um programa simetricamente, o sujeito fica estudar muitas vezes algo que nem necessita estudar: fica estudando afinação e muitas vezes ele tem problema com o arco, estuda arco e tem problema com afinação e vai empurrando o problema com a barriga, fingindo que nada é com ele e se fecha não querendo enxergar que não é um bom violinista, fica anos e anos estudando a fio e tem pouca ou nenhuma evolução.
.
O professor que é inteligente ele vai avaliar o aluno e perceber qual é maior dificuldade do aluno e vai focar toda sua orientação a resolver em especificio, aplicando o que for necessário nessa etapa para o desenvolvimento do aluno encima do problema especifico e percebe a hora de dar atenção a outro problema, sendo assim equilibrando a evolução e caminhando de forma equilibrada na hora certa.
.
Então pense não adianta um médico receitar para você ampicilina sendo que o seu problema não deve ser tratado com ampicilina, pois está com depressão! Então o médico deve encaminhar você para um especialista no tipo de problema que você tem e trata-lo adequadamente com droga medicinal para essa finalidade.
.
Assim é professor de violino, não podemos ter apenas um professor, mas o professor que seja adequado ao tratamento de um fundamento e especifico e fica com ele absorvendo todo o conhecimento e resolve o problema em especifico que ele trata por um período, depois devemos procurar outro professor especialista em tal fundamento. Um é bom para arco, outro para mão esquerda, outro para expressividade. Assim por diante. Não vai jamais receitar ampicilina, porque todo mundo toma e da certo com a maioria, mesmo que o seu problema não tem nada haver com o tratamento com ampicilina.
.
Mas pra quem não quer ser profissional, deve ter em mente que o mínimo é conseguir um professor top que possa lhe orientar adequadamente em todos os fundamentos, pelo menos o básico é claro todo professor deveria aprender a orientar pelo menos o básico, mas infelismente muitos não fazem nem o básico, mas com um professor top, pelo menos o básico temos garantidos.
.
O professor top, ele trabalha dessa forma, pensando em fundamentos e tratando o que voce tem maior dificuldade, não tratando de forma genérica, mas sim com o métodos especificos para ocasião, não seguindo o cronograma e nem programa.
.
Por isso, vamos estudando de forma inteligente, consciente e evolutiva.
.
Mas vou sugerir uma proposta para ter uma idéia do que funciona genericamente com maioria: Lauoreux 1, Suzuki de 1 a 3, Shinozaki, Ferrara, Sevick op 1 e Op 2, Hans Sitt op 32 até lição 20, Mazas duetos, Lauoreux 3 para iniciantes.
.
36 estudos do Kayser, Suzuki do 4 até o 6, Continua nos Sevicks, Sevick op 8, Hans Sitt da lição 20 até 100, Polo, Mazas, Dont, 42 estudos do Kreutzer, Mozart concerto 3, 4.
.
Wieniawski, Rode, 24 Caprichos do Paganini, Beethoven para avançados.
.
Na verdade eles não estão na ordem que se estudam, pois muitos são estudados de forma simultanea, e alguns só podem ser iniciantes dependendo da qualidade do estudo do aluno, isso é individual, pois cada um tem um tempo e progressão diferente se em comparação com outros alunos de mesmo nível.
.
Mas ou menos isso que se segue, falando genericamente.
.
Lembrando que não importa o método que se estude a técnica aplicada é coisa de aula do dia a dia que um professor te passa, pois os métodos não trazem a técnica, e sim podem ser aplicados em várias lições técnicas muito diferentes, então não importa o número de métodos que se passe e sim a qualidade de como voce estuda cada lição. Por isso muitos estudam mais de 100 métodos e não tocam nem 1 por cento de um que estudou apenas 10 métodos.
.
Se precisar de material de estudos para violino, eu tenho para material de estudos para vender. Envia e-mail para mim: violinistamorlix@bol.com.br
.
Um beijão.
.
Deus te abençoe.
Concordo com o Leo, ..."Por isso muitos estudam mais de 100 métodos e não tocam nem 1 por cento de um que estudou apenas 10 métodos." ,.. o que vale não é  a quantidade dos estudos, sim a qualidade.
avatar
abnerram

Mensagens : 24
Pontos : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 18/10/2013
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Qual é a ordem de métodos que se estuda no violino?

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum