Violino Brasil
Últimos assuntos
Quem está conectado
20 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 19 Visitantes :: 1 Motor de busca

ymoraes5948

O recorde de usuários online foi de 106 em 1/9/2012, 17:16

Regulagem do Cavalete de um Violino

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Regulagem do Cavalete de um Violino

Mensagem  abnerram em 15/1/2014, 08:21

A paz de DEUS pessoal, eu achei esse método para regulagem do cavalete na internet, e resolvi postar aqui no fórum, ele é muito simples, mas requer alguns cuidados específicos. Ele é muito bom para pessoas que não estão ao alcance de um luthier, mas muito cuidado ao executa-lo, porque mau feito, ao invés de regular vc irá acabar deixando pior ainda!
 São utilizados apenas materiais que geralmente se tem em casa, sem precisar sair comprando nada !!  

"Se existe um instrumento que requer alguma sensibilidade, precisão e cuidado redobrado é o violino, tanto na hora de guardar, o verniz, que geralmente em laca, pode rachar com o tempo se não cuidado, a alma que pode soltar com as cordas soltas, que pode ser um problema colocar no lugar, e se colocado no lugar errado pode “danificar” o som do violino, as cravelhas sem ajuste impedindo a afinação, pestana torta, cordas altas, espelho desalinhado, entre outras coisas.



Primeiramente devemos ajustar o cavalete de acordo com as dimensões do espelho e o tampo do violino, para isso precisaremos de um cavalete, se optar pode também comprar um novo, uma régua milimetrada e ou uma ferramenta de medidas com maior precisão, uma lixa grossa para dimensionar a madeira, o que pode variar de acordo com a madeira, e uma lixa fina para acabamento, um estilete e um lápis bem apontado ou uma lapiseira. Pode começar a treinar isso em um cavalete de baixo valor, antes de começar a usar essa técnica em cavaletes de violinos mais valiosos.
Primeiramente vamos ajustar o cavalete ao tampo do violino da seguinte forma, com a lixa grossa, escolhi uma lixa 120, com um tamanho um pouco maior do que o cavalete, apoiando sobre o tampo do violino bem na direção onde o cavalete é fixado,  lixaremos a base do cavalete com movimentos leves, com pequenas pausas para ver como está, até que a base do cavalete se encaixe perfeitamente ao tampo. O cavalete deve ficar sempre perpendicular ao tampo.

Agora vamos ajustar a curvatura do cavalete de acordo com a curvatura do espelho. Para isso usaremos o lápis posicionado sobre o espelho, riscando o cavalete como na imagem abaixo, mantendo o lápis sempre paralelo ao espelho, para não haver erros. Reforce bem o risco.

Faça uma pequena marca na metade da curvatura.

A partir desta pequena medida, faça marcas à 6mm de cada lado das marcas, e depois 12mm ao lado das marcas anteriores, acima dessas marcas faça medidas com as seguintes distãncias, corda G(sol) 3mm, corda D(ré) 2mm, corda A(lá) 1mm e corda E(mi) 0mm. As medidas podem ser modificadas de acordo com violinista, pode-se acrescentar 1mm a cada corda para ter um cavalete mais alto por exemplo. Logos depois ligue os pontos encontrados e faça uma nova linha, uma nova curvatura com as novas medidas acima da outra reforçando bem a linha.

Use o estilete para esculpir a madeira, e deixe um pouco acima da linha, para ser finalizado com a lixa grossa, lixe até a linha, lixe o lado riscado até atingir a espessura de 1 mm em cima e 4 mm embaixo, com o estilete faça pequenos sulcos onde as cordas são apoiadas, na espessura das cordas que irá utilizar.

Use a lixa fina, 400 ou de número maior, para fazer um acabamento arredondando as quinas para uma melhor aparência, em seguida passe o lápis entre o sulcos onde são apoiadas as cordas, pois o grafite é um ótimo lubrificante, diminui o atrito, ajuda na afinação e dá longevidade à ambos. Cole um pedaço de couro fino no sulco da corda E(mi), pode ser usado pele de carneiro, cabra, mesmo material usado em caixa acústica de percussão, ou utilize um cavalete com reforço de outro tipo de madeira mais dura nesta corda.

E aqui foto do cavalete regulado conforme o processo.

Observações: Este cavalete regulado neste violino não pode ser usado em outro violino, visto que as medias de cada instrumentos são sempre diferentes, então violinos diferentes, medidas diferentes. Os ajustes dos cavaletes poderão ser melhorados através da arte da escultura, precisão, cuidados e ferramentas mais precisas, portanto, com a prática este projeto poderá ser desenvolvido, tornando os resultados mais precisos.
Sempre bom conferir o posicionamento do cavalete sobre o tampo, se estiver torto pode escorregar e provocar danos no cavalete e no tampo, e provocar a queda da alma do violino.
Para trocar ou colocar cordas novas, coloque uma a uma, começando pela mais grave.Isso evita a alma cair se esta estiver pouco pressionada e facilita a re-afinação do instrumento.

Ai, pessoal gostaram ?

abnerram

Mensagens : 25
Pontos : 52
Reputação : 4
Data de inscrição : 18/10/2013
Idade : 16

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Regulagem do Cavalete de um Violino

Mensagem  £ëø Mø®£ix em 15/1/2014, 08:40

Quem fez esse tutorial é um cara que toca violão e nada entende de violino.
.
Não é assim que um luthier faz.
.
É algo muito primitivo e pouco funcional.
.
O cara para esculpir e assentar um cavalete, vai precisar de uma faca de lutheria, plaina ou formão, carrinho para cavalete e um corretor de angulatura e altura.
.
O violino também não é só trocar cavalete, precisa de outros reparos.
.
Dá para ver claramente que esse cavalete não foi feito por quem diz ter feito o tutorial, pois le mexeu em alguns detalhes que não daria para mexer somente com uma lixa.


"Não por força nem por  poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor   dos Exércitos" (Zc 4:6). 

£ëø Mø®£ix
Admin

Mensagens : 3277
Pontos : 3764
Reputação : 170
Data de inscrição : 17/02/2010
Idade : 35

http://violinobrasil.forumfacil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum